1 min de leitura

Terça Feira, 31 De Março

Então disse o SENHOR a Moisés:... achaste graça aos meus olhos, e te conheço por nome. Então ele disse: Rogo-te que me mostres a tua glória. (Êxodo 33:17-18)

Ver A Glória De Deus


Depois da grande decepção que Moisés teve, quando o povo de Israel adorou ao bezerro de ouro, ele recebe o encorajamento de Deus: “achaste graça aos meus olhos, e te conheço pelo teu nome”. Isso foi bastante precioso e consolador para Moisés, e tornou-o ousado para pedir ainda mais. Deus já lhe tinha prometido: “A minha face irá contigo” (Êxodo 33:14*), mas Moisés almejava contemplar toda a glória da Graça.

Deus fez com que Moisés soubesse que a plenitude de Sua glória não pode ser vista por um mortal – é santa e maravilhosa demais para o homem, portanto teria de consumi-lo. Por isso Ele quis colocar Seu servo numa fenda da rocha, cobrindo-o com a mão até que Sua glória tivesse passado. Então Moisés poderia vê-Lo “pelas costas”.

O que isso quer dizer? Diante da glória de Deus, o homem precisa de abrigo. A rocha sobre a qual Moisés devia ficar é uma figura de Cristo, e a fenda simboliza a morte de Cristo. Pela cruz, o crente encontra proteção sob a mão de Deus enquanto Sua glória passa. Agora o crente pode ver a glória da Graça de Deus por trás, pois o juízo já foi executado.

Mas, principalmente, Moisés pôde reconhecer Deus pela Sua misericordiosa condução. Isto aconteceu no caminho através do deserto, onde Deus revelou Sua bondade e misericórdia, sem as quais Israel não teria chegado à terra de Canaã. Pela fé nós olhamos para trás, para a cruz onde a plenitude da glória de Deus foi revelada em Cristo. 

Que presente Divino!

 * (Tradução da Sociedade Bíblica Britânica)

 

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Faça uma doação para o Ministério Chamada

Extraído do livro devocional Boa Semente 2020, publicado pelo DLC.

Confira