1 min de leitura

Quinta Feira, 30 De Janeiro

E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. (Mateus 7:14)

O Número De Cristãos


Um hoteleiro, para o qual ofereci alguns exemplares do Novo Testamento, me disse há poucos instantes: ‘Desculpe, mas o cristianismo está perdendo velocidade’. 

De certo modo, ele tinha razão. Nos países da Europa, há cada vez menos pessoas que professam ser cristãs. Isso nos surpreende? Desde o princípio de Seu ministério, o Senhor Jesus advertiu a Seus discípulos que seriam poucos os que encontrariam o caminho da vida. 

Antes de subir para o céu, o Senhor advertiu outra vez Seus discípulos dizendo: “Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?”. Ele falou isso no final de uma parábola para mostrar-lhes “o dever de orar sempre, e nunca desfalecer” (Lucas 18:1).

Estamos na época da paciência de Deus. Mas essa se acabará. Logo o Senhor Jesus virá para buscar aos Seus, entretanto, Ele os anima a confiar nEle, apesar das dificuldades, da oposição e até mesmo da perseguição. 

“O Senhor conhece os que são seus” (2 Timóteo 2:19). Se perguntássemos, eles responderiam de todo o coração: “Sim, Jesus é meu Salvador e meu Senhor”. 

Então, não nos preocupemos se em certos países os cristãos parecem ser menos numerosos. Seu número aumenta em outros continentes. A questão central é que a pessoa esteja segura de ter a Cristo como Seu Salvador pessoal, de permanecer fiel a Deus, seguir o caminho da vida com o Senhor, orar sem cessar, apresentando a palavra da vida aos que ainda não a receberam.

 

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Faça uma doação para o Ministério Chamada

Extraído do livro devocional Boa Semente 2020, publicado pelo DLC.

Confira