1 min de leitura

Encontrando o Noivo

Em breve haverá bodas. Jesus nos convida. Estamos prontos para a sua festa?


Portanto, não durmamos como os demais, mas estejamos atentos e sejamos sóbrios.” (1Tessalonicenses 5.6)

Deus toma conta de nossas vidas. Mesmo assim, isso não nos isenta de estarmos atentos e de sermos sóbrios, senão poderíamos ceder às seduções que se apresentam muito mais traiçoeiras e perigosas do que a perseguição grosseira. Acima de tudo, correríamos o risco de perder o dia da volta do Senhor – tal como as cinco virgens insensatas que não tinham óleo em suas lâmpadas (Mateus 25.1-13).

“Estar atento e sóbrio” significa manter uma vida de comunhão com Deus, ter no coração o seu Espírito, lhe obedecer e receber perdão por meio dele. “Estar atento e sóbrio” significa: não permitir ser desviado para caminhos alternativos, que nos afastem de Jesus, mas permanecer andando no caminho estreito que conduz à vida eterna (Mateus 7.13).

Se vivermos assim, estaremos preparados para o dia do arrebatamento, que significa: antes do aparecimento de Jesus como o Juiz do mundo, ele primeiramente vai buscar para si os eleitos. “Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que estivermos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares. E assim estaremos com o Senhor para sempre” (1Tessalonicenses 4.16-17; ver Mateus 24.31; Lucas 17.26-36; 1Coríntios 15.51-58: Apocalipse 3.10). Que alegria será esse encontro com o Noivo!

Em breve haverá bodas. Jesus nos convida.
Estamos prontos para a sua festa?
Para o banquete no salão das bodas
vamos todos, pois já chegou a hora.

Quem estará perto? Quem longe estará?
Quem vai festejar, e quem faltará?
Pois muitos estão convidados,
mas há só poucos escolhidos.

Quem a Deus por seu hobby troca,
quem em si, somente, pensa;
quem o amor de Jesus rejeita,
o seu direito de ingresso dispensa.

Talvez uma vez, ou duas, Deus pergunte:
“Preparado está para as bodas?”
Quem o aceita pode festejar
e a glória de Deus, admirar.

Cantemos, pois, e jubilemos
quando as bodas iniciarem.
Pois Deus se revelará então
aos que sabem: seus filhos são!

Lothar Gassmann

 

Confira