1 min de leitura

Sexta Feira, 22 De Maio

Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. (2 Coríntios 5:17)

César Malan, Uma Nova Criatura (3)


Quando Malan se converteu, ficou surpreso ao descobrir que a salvação que Deus lhe dava havia sido conquistada a seu favor pelo Senhor Jesus Cristo na cruz. Antes, Malan confiava em suas virtudes e não conhecia verdadeiramente a graça de Deus. Mas Deus se revelou para ele como o Deus da graça. O novo nascimento fez de Malan uma criatura realmente nova; foi algo total, essencial e absolutamente novo. Não foi o resultado dos atos religiosos de um homem que queria merecer o favor divino, mas sim do amor de Deus em ação, um amor que vem e nos salva a nós, que estamos longe dEle. 

“Pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie” (Efésios 2:8-9). Essa passagem das Escrituras, mensagem de graça, faria de Malan um fervoroso proclamador da livre e soberana graça de Deus.

Ele é o compositor de muitos hinos em francês que exaltam o amor e a graça do Deus Salvador.

Depois de sua conversão ele teve que enfrentar muita oposição e hostilidade, sobretudo por parte dos homens religiosos, mas Malan permaneceu fiel a seu chamado: proclamar a livre e gratuita graça de Deus. 

“Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por ele vivamos” (1 João 4:9).

“Estas coisas vos escrevi, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus (1 João 5:13).

Concluído

 

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Faça uma doação para o Ministério Chamada

Extraído do livro devocional Boa Semente 2020, publicado pelo DLC.

Confira