1 min de leitura

Sábado, 04 De Janeiro

Inclina, ó Deus, os teus ouvidos à minha oração… Atende-me, e ouve-me… terrores da morte caíram sobre mim. (Salmo 55:1-2,4)

Meditações Sobre O Livro Dos Salmos (Leia Salmo 55:1-11)


Oprimido pelos ímpios que o perseguem incansavelmente, cercado com angústia e “terrores da morte” (vv. 3-4), o crente não responde ao inimigo, mas se volta para Deus. É isso o que sempre devemos fazer, em vez de reagirmos com palavras malignas. Do ponto de vista profético, os salmos nos transportam além do presente tempo da graça, para os dias em que o estabelecimento do Reino de Cristo só será possível após o julgamento de todo o mal. Hoje, a impiedade do mundo ainda não atingiu a profundidade que alcançará naquele terrível período. Existe atualmente uma restrição causada pela presença do Espírito Santo e do Corpo de Cristo no mundo (2 Tessalonicenses 2:6-7).

Contudo, as características descritas aqui já estão mais que evidentes: violência e contenda (v. 9); perversidade e a malícia (v. 10); destruição, opressão e engano (v. 11). O verdadeiro filho de Deus não se sente à vontade neste ambiente. Como o remanescente fiel, ele anseia pelo lugar de descanso (v. 6), pela casa do Pai, esperança e tema de seus louvores!

 

Extraído do livro devocional Boa Semente 2020, publicado pelo DLC.

Confira