1 min de leitura

O encontro com Deus

Ainda temos algum sentimento em relação à santidade de Deus? Nos aproximamos dele com temor e tremor?


... no terceiro dia o Senhor, à vista de todo o povo, descerá sobre o monte Sinai. Marque ao redor do monte limites para o povo, dizendo: ‘Tomem cuidado para não subir o monte, nem tocar a sua extremidade. Todo aquele que tocar o monte será morto’.” (Êxodo 19.11-12)

Ainda temos algum sentimento em relação à santidade de Deus? Nos aproximamos dele com temor e tremor? Estamos cientes de que morreremos se nos encontrarmos com ele sem a proteção de seu Filho Jesus Cristo? Temos acesso a Deus, o Pai, unicamente por meio de Jesus! Todo aquele que não crê em Jesus está a caminho de um terrível juízo. Esteja atento a isso.

Por ordem do SENHOR, Moisés estabeleceu um limite ao redor do acampamento dos israelitas. Ninguém, além do servo escolhido, poderia se aproximar de Deus. Da mesma forma, também hoje somente as pessoas que foram purificadas e salvas por meio do sangue do Cordeiro no Gólgota podem ter comunhão com Deus e estar eternamente com ele. Que maravilha é pertencer ao rebanho dos salvos! Oremos:

Senhor, tu vens no fogo, com raios e trovões,
pois tua é toda a terra.
Queremos te obedecer, guardar a tua aliança.
Ensina-nos a sermos teu povo.

Maravilhoso e glorioso, assustador e tremendo
é quando te revelas.
Querendo eu te ver, eu pereço
se tu a minha vida não preservas.

Fala, SENHOR, sim, fala! Teu servo te ouvirá.
A tua vontade nos revela.
Tua Palavra é vida, que nos liberta
e à Terra Santa nos levará.

Lothar Gassmann

 

Confira